No passado dia 21 de junho de 2018, em Tallinn, realizou-se a Assembleia Geral da AIM – Associação Internacional das Mutualidades, na qual foi deliberada e aprovada, por unanimidade, a adesão da APM-RedeMut como membro permanente de pleno direito.

O Presidente do Conselho de Administração da AIM, Christian Zahn, congratulou-se com a entrada de mais uma organização mutualista, alegando que a participação da APM-RedeMut nas atividades da AIM contribuirá para fortalecer a ação conjunta em prol dos valores e dos princípios mutualistas, dando força à associação e aos seus serviços.

Com esta adesão, além do direito de participação na Assembleia Geral, a APM-RedeMut pode, igualmente, participar em todas as reuniões dos grupos de trabalho organizados no seio da AIM, nomeadamente: Assuntos Europeus; Dispositivos Farmacêuticos e Médicos; Valores Mutualistas; Promoção da Saúde, Saúde Ambiental, Prevenção de Doenças; Cuidados de Longa Duração; Luta contra a fraude.

Uma das prioridades da AIM, consagrada no respectivo plano de ação para 2017/2020, é defender a visão e os valores dos seus membros. Sobretudo na Europa, a AIM monitoriza os mais relevantes desenvolvimentos políticos europeus e legislativos, informando os seus membros sobre esses desenvolvimentos e consensualizando as respetivas posições em torno da posição da AIM que procura impactar nas políticas públicas de relevo para a atividade mutualista.

A AIM, ao promover a partilha de experiências dos seus membros, fortalece a base de conhecimento entre si e reforça a inovação social. Por outro lado, um dos seus principais objetivos é aumentar o reconhecimento das mutualidades a nível europeu e internacional, valorizando o modelo mutualista com uma ferramenta moderna e válida que oferece proteção de saúde e social às pessoas, não apenas na europa, mas também em todo o mundo. Com o intuito de alcançar este objetivo , a AIM tem desenvolvido atividades de reconhecimento político e jurídico a nível da UE (através da Comissão, do Parlamento, Conselho e Comité Económico e Social).

À margem da Assembleia Geral, Christian Zahn referiu “A colaboração é como se sabe um aspeto decisivo da nossa organização. O objetivo é continuar a criar uma rede entre, e para além, dos seus membros de nível global. Estamos convencidos e continuaremos a de-fender o valor acrescentado desta colaboração.”